Felina de 17 anos há cinco meses foi diagnosticada com linfoma intestinal, em que foi realizada ultrassonografia abdominal e foram visualizados linfonodos cólicos com aumento de volume e alteração no hemograma.

No mês atual, foi feita uma nova ultrassonografia para avaliar a evolução do tratamento quimioterápico e foi observada diminuição do volume dos linfonodos mas estes ainda visualizados.

 

 

 

Imagens do exame atual (exame anterior foi feito por outro colega):

_miles_fel_linfonodos_20161221143608_1446330 _miles_fel_linfonodos_20161221143608_1449160